quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Minha alma


Ela ouviu uma única frase.
As outras palavras flutuavam no ar...
Como a planta de plástico que enfeitava a mesa...
Como a xícara de café...
Como os pães de queijo de tamanho médio que ela dividiu com ele...
Como a sensação de uma tarde de domingo...
Como o caminhar até o estacionamento...
Como o telefone e o livro esquecidos...
Como os carros estacionados...
Como a esperança perdida...
O céu acima...
O espaço aberto do Mall...
O asfalto...
O quarto...
A casa...
A falta...
Ele é nuvem...é chama...é ausência...é fase...
Ele é fato e procura...
Ele é a presença que falta...
A luz que ofusca...
Ele é a fala dela...
Sua voz em outra língua...
Ele é a falta de sentido...
Ele é.
Somente isso.
Texto: Wandréa Marcinoni
Imagem: Brooke Shaden

Nenhum comentário:

Postar um comentário