segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Baseada em lenda


Eu tenho alma de poeta...
Tenho jeito de menina...
Tenho marcas tatuadas...
Demoro a distinguir o certo do errado...
Acredito piamente em muitas coisas que me dizem...
Não enxergo bem...
Não uso os óculos como deveria...
Rejeito a perfeição...
Intuo muitas vezes...
Busco razões para o que não entendo...
Quando estou curiosa, pergunto...
Quando estou triste, me calo...
Quando estou feliz, não sei fingir...
Quando amo, amo muito...
Quando não gosto, sei perdoar...
Queria ser forte, mas não é assim que me sinto a maioria das vezes...
Espero em mim...mas sinto saudades...
E a bem da verdade eu não sei o que fazer com ela...
Se estou sozinha eu desabafo...
Gosto de ver a vida...e não quero que ela passe sem razão...
Tenho andado entretida com minhas pequenas coisinhas...
Nem lembro que são só minhas...
São mais bonitas quando sou dois...
E por conta disso, teço comentários ocasionais sobre a lua cheia ou sobre programas culturais...
Algo bem mais prático que minhas tantas sentimentalidades...
Texto: Wandréa Marcinoni
Imagem: Masha Sardari

Um comentário: