quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Não falo francês, mas tento



A pronúncia das palavras às vezes me engasga a fala...
Como o som das música aviva meus sentidos...
Sou movida por essas sensações...
Gosto de ver, mas tenho predileção pelo sentir...
Tenho esse lado aguçado demais...por ele transponho largos terrenos...torço por gradativas evoluções do meu ser que me façam menos sensitiva e mais racional.
É fato que neste mundo há seleção natural e só os mais aptos sobrevivem...mais fortes, mais ágeis, mais perspicazes, menos infantis ou romantizados...
Ás vezes me desfaço das amarras que envolvem meu tornozelo...dou pequenos e lentos passos e me esbarro em muros e grades...
Oro e acredito...na clemência e purificação...
Cultivo...trato os sentimentos e os coloco em pequenas redomas de cristal sobre a mesa branca...entrelaço com as flores artificiais que comprei em uma loja de decoração...ligo o computador, posto links do youtube e danço como se ninguém estivesse olhando.
Texto: Wandréa Marcinoni
Imagem: Arquivo pessoal

Nenhum comentário:

Postar um comentário