domingo, 7 de novembro de 2010

A vida nas cartas


Maio de 1890
Talvez eu vá tentar trabalhar a partir dos Rembrandt, tenho em especial uma idéia para fazer O Homem Rezando, numa gama de tons partindo do amarelo-claro até o violeta.
Junto a esta carta de Gauguin, faça como lhe parecer melhor quanto à troca, pegue o que mais lhe agradar, tenho certeza que cada vez mais temos o mesmo gosto.
Fiz duas telas da relva fresca no parque, uma das quais é de uma simplicidade extrema, veja o rápido esboço...eu me deixarei ir não sem reflexão, mas sem insistir em lamentar coisas que poderiam ter acontecido. Dizem que na pintura não se deve procurar nada, nem nada esperar, além de um bom quadro e uma boa conversa e um bom jantar com felicidade máxima, sem contar os incidentes menos brilhantes. Talvez seja verdade, e por que recusar-se a aceitar o possível, sobretudo se assim fazendo enganamos a doença?
Do livro Cartas a Theo-Vincent Van Gogh
Imagem:Homem lendo-Vincent Van Gogh

Nenhum comentário:

Postar um comentário