domingo, 28 de novembro de 2010

Da maternidade


Fosse eu Rei do Mundo...
Baixava uma lei:
Mãe não morre nunca...
Mãe ficará sempre
junto de seu filho...
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.
Texto: Carlos Drummond de Andrade
Imagem: Marie Desbons

Nenhum comentário:

Postar um comentário