domingo, 31 de outubro de 2010

Como uma coisa puxa a outra


Eleanor Rigby é uma canção do grupo de rock inglês The Beatles, originalmente lançada no álbum Revolver de 1966. Também foi lançada como single, junto com a música Yellow Submarine

A canção foi inicialmente escrita por Paul McCartney, mas em uma entrevista concedida à Revista Playboy em 1980, pouco antes de morrer, John Lennon afirmou que "o primeiro verso era do Paul, mas que o restante era basicamente meu". Pete Shotton, um amigo intímo de Lennon que estava presente naquele momento, disse "Penso que John (cuja memória podia ser extremamente falha) tomou os créditos, em uma de suas últimas entrevistas, por muitas das letras, mas na minha memória 'Eleanor Rigby' foi uma 'Lennon-McCartney' clássica na qual a contribuição de John foi virtualmente nula". No entanto, a música é cantada por Paul.

McCartney também afirmou que John ajudou algo como "metade de uma linha". À parte da discussão, Eleanor Rigby permanece como uma das mais reconhecidas e distintas canções dos Beatles, com sua letra contando sobre a solidão das pessoas mais velhas. A sua tradução começa:

«Ah, olhe todas as pessoas solitárias», referindo-se pelo meio da música que ninguém presta atenção às pessoas solitárias.

Ela também faz parte da fase de transição, continuando a transformação dos Beatles, que começaram com uma orientação Pop e gradualmente se tornaram uma banda de estúdio mais séria e experimental.

Em dezembro de 1982 na cidade de Liverpool, foi esculpida uma estatua de uma idosa solitaria em homenagem à canção.
Fonte: wikipédia
Imagem: Eleanor Rigby by Lisf

Nenhum comentário:

Postar um comentário