domingo, 29 de novembro de 2009

Algumas reflexões aleatórias


Do desejo- O mito de Sísifo

Sísifo era rei de Corinto. Depois de seduzir a sobrinha, roubar o trono do irmão e trair a confiança de Zeus, foi condenado a ficar acorrentado num tártaro. Mas Sísifo era ardiloso, ele atraiu Tânatus, a deusa da morte e conseguiu prendê-la em seu lugar. Sísifo foge e com isso nenhum ser humano iria morrer. Isso desagrada Ares, o deus da guerra. Ares liberta Tânatus e manda Sísifo de volta ao tártaro. Porém dessa vez o castigo era outro. Sísifo é condenado a empurrar uma pedra até o alto de uma montanha, um trabalho eterno, pois sempre que chegava ao topo, a pedra rolava de novo para baixo. O mito de Sísifo representa exatamente pra nós, o que é o desejo. O desejo é aquilo que persegue um objeto e quando esse objeto é atingido, o desejo perde sua significação...( e começa tudo de novo)
Texto do programa Café Filosófico da TV CULTURA
OBS: Post entre parênteses by me.

Nenhum comentário:

Postar um comentário