segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Dos limites


"Nisto é que consiste a monstruosidade do amor: em ser infinita a vontade e limitada a execução; em serem ilimitados os desejos, e o ato, escravo dos limites."
Texto: William Shakespeare
Tirinha: Liniers
Clique na imagem para ampliar

Nenhum comentário:

Postar um comentário