quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Eu por mim


Que tal se você passasse seus braços na minha cintura?
Que tal se me abraçasse forte?
E se me dissesse o que eu queria ouvir?
E se me beijasse como se amanhã não fosse outro dia?
E se não tivéssemos hora pra voltar?
Se fôssemos livres?
Faria diferença pra você?
E se eu deixasse de ser sonhadora?
E se a vida fosse uma fábula?
Se você fosse o meu príncipe?
O se me angustia...mas sem ele eu não seria eu.
Prometo então te esperar debaixo de chuva...com roupa branca e cabelos molhados...
Sem maquiagem...só eu...e só você...
E aí te mostro como eu sinto...e daí você fica meu...
E daí sei que não é sonho...
E daí que é aquele final feliz...
Aquele que é meio tosco...
Mas é aquele que é todo eu...
Eu e você...
Ou quem sabe...eu por você.
Texto: Wandréa Marcinoni
Imagem: Arquivo pessoal

Nenhum comentário:

Postar um comentário