domingo, 26 de dezembro de 2010

Plácidas memórias de uma loira em polvorosa


Eu...a garota do girassol...por vezes ando fora da moda. Meio que não há um referencial e não sou bem àquela que devem seguir. Sou alguém com dúvidas e acertos como qualquer um...não sou facilmente perceptível a olhos tendenciosos...mas para àqueles que possuem as armas certas...sou presa fácil...falta apenas o dom da verdade...da palavra sincera que derrama as verdadeiras intenções em um tapete vermelho...me firmo e instalo em terreno de areia movediça...e isso é mal. tenho sentimentos fortes...bem fortes...e eles são meu guia pelo espaço escuro, turbulento, enevoado...não sou cega...vejo com nitidez digital...e esse é meu mal...enxergar além das fronteiras...e como em um último suspiro expressar em letras escritas a real história...que talvez jamais será escrita...
Wandréa Marcinoni
Imagem: Timothy Archibald

Nenhum comentário:

Postar um comentário