quarta-feira, 26 de maio de 2010

Vocês


A minha vida depois de vocês, virou a mais linda confusão...e é um tal de dar o almoço, dar o jantar...já lanchou? já mimiu?...estudou?...brincou?...e uma constante repetição de preocupações e de colocar a vida nos eixos. Depois de vocês, os dias tumultuados são dias de verão...depois de vocês...esquecer de mim é corriqueiro...mas sei que vivo pra querer bem...e entendo que esse...no mais profundo sentido da palavra... é o amor bobo e desprovido de qualquer individualidade...é o amor que não se condiciona a qualquer padrão pensado ou imaginado pela cabeça mais pensante do planeta terra...

É um não querer
Mais que bem querer
É solitário andar
Por entre a gente
É um não contentar-se
De contente
É cuidar que se ganha
Em se perder...

É um estar-se preso
Por vontade
É servir a quem vence
O vencedor
É um ter com quem nos mata
A lealdade
Tão contrário a si
É o mesmo amor...

Um comentário: