terça-feira, 3 de novembro de 2009

Os sapatinhos vermelhos


Meus sapatos vermelhos, têm laços no tornozelo. Todos os dias quando os calço, faço deles liberdade. Sei que é preciso ser livre para bem usá-los. Não se trata aqui de sapatinhos de cristal ou adornos com laços de ouro...afinal, são sapatinhos vermelhos. E apesar de sempre ter pensado que a liberdade era tingida de branco, hoje prefiro crer que é o vermelho que me faz voar.
Wandréa Marcinoni

Nenhum comentário:

Postar um comentário