domingo, 6 de março de 2011

Sonho meu


Nos tempos áureos...ele guardava suas economias para o futuro que programou. Ele como Samuel...falava que faria qualquer negócio e ela acreditava. Há coisas que são inesquecíveis. Há coisas que marcam sua vida. Não precisa ser algo sério...pode ser alegria...desde que seja a verdade. A verdade é pura...limpa...dá sensação de estar no lugar certo...na hora certa e dá idéia de justiça também. Ele me convidou a experimentar a verdade com todo o seu sabor. Agridoce? amargo? doce? azedo? com um tanto de sal? Os patrícios diriam faltar música portuguesa...falta a presença de Antonio Joaquim...mas ele do passado retornou e está aqui...com lembranças...com alegria...com festa para que a gente caia na real e siga cantando que a vida é mais do que só esse dia.
Texto: Wandréa Marcinoni
Imagem: Nicolleta Ceccoli

Nenhum comentário:

Postar um comentário