terça-feira, 17 de abril de 2012

Pics


O fato de ir à livrarias com uma constância fenomenal é um pouquinho mais que diversão.
Tenho minhas duas preferidas e uma em especial.
Olho os primeiros livros expostos, desvio pela sessão infantil de onde acabo levando alguma coisa, depois subo as escadas e dou de frente com os ilustrativos.
De quebra passo na revistaria com a desculpa de completar as coleções para os guris.
Na verdade eu gosto do cheiro, da amplidão, dos livros, do café, da sensação.
A vida é assim: precisa de intervalos entre os problemas cotidianos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário